quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Aniversário!!!!

Bueno!!! E nesse dia 30 de agosto de 2011 completei 24 anos!!!
Só posso declarar que estou muitooo feliz por ter ao meu redor pessoas tão maravilhosas!!!
Agradeço também aos amigos que lembraram de mim e mandaram recados, totalizando mais de 2.500 recadinhos!!!!
Que Deus ilumine a todos, nos dê toda a felicidade do mundo!!!

São Miguel Arcanjo, guardião da luz e da , protetor de todos os seres humanos, eu vos chamo e vos invoco para que me defendeis de toda negatividade, de toda desarmonia, auxiliando-me em meu caminho em direção da luz, prosperidade e do bem.

Amado São Miguel Arcanjo, conduz o meu querer, a minha vontade e os meus desejos, para que eu tenha a luz divina governando eternamente o meu ser.

Amém.

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Capa do Jornal nas Missões!!!

Aqui a capa do Jornal o Mensageiro em Santo Ângelo e região falando sobre produção cultural e Canto Paisano!!!

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Professor Moraes... Nosso grande amigo!

Essa primeira foto da postagem é simplesmente a representação do Canto Paisano da Música Gaúcha.

Nosso querido Professor Moraes é um grande apoiador do Canto Paisano, sendo nosso grande conselheiro e apresentador que simbolizou com suas palavras e atitudes esse grande projeto.

Em cada momento do festival ele esteve ao nosso lado, tendo sido para mim uma honra impossivel de descrever com palavras dividir em alguns momentos o palco e ter suas palavras de apoio.
Ficam nossos eternos agradecimentos a essa personalidade representante de nossa cultura gaúcha e brasileira. Esse ícone da sabedoria e humanidade.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Fotos do dia 23 de julho de 2011 (Theatro Guarany).

Buenas amigos queridos!!!!!

Vim avisar que as fotos do Canto Paisano estão disponíveis no blog cantopaisano.blogspot.com
Quem quiser fotos em tamanho original é só me indicar por email quais das fotos quer que envio o mais rápido possivel. Mandem o email para josielecastro@yahoo.com.br
EM BREVE TEREMOS MAIS FOTOS PARA DISPONIBILIZAR!!!! :)

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Palestra do Ernesto Fagundes sobre a importância de nossa cultura (Canto Paisano)




Canto Paisano!!!

Amigos queridos!!!

Gracias pelo grande apoio nesse primeiro Canto Paisano da Música Gaúcha!
Aqui posto uma breve reflexão minha e posterior prestação de contas do festival (evento particular, sem lei de incentivo fiscal, contemplado pela merecida inclusão no grande projeto municipal que é o calendário de festividades dos 200 anos de Pelotas).

Realizado por:
Josiele P. Castro
Formada em direito pela UCPEL no ano de 2009, produtora cultural da LIC/RS e Diretora Executiva da Rede Esperanto (RDEE) e OSCIP ACORD.
Nascida em 30/08/1987


Paisanos

Um dia descobri que não criamos nada para nós mesmos nesse mundo

Que cada ato e sonho solito é menor que uma brisa quente no sol escaldante,

Que somos muito menores que um grão de areia na praia

Que somos o nada tentando convencer que nada também é alguma coisa.

Então observei que existe um mundo de sonhadores lá fora

E entendi que não era mera frase bonita a que fala da força do que é sonhado em conjunto

Vi muitos olhos marejando com as minhas derrotas,

Vi bocas sorrindo com minhas vitórias,

Senti abraços acalmando minhas angustias

E de quem eram essas bocas, olhos e braços?

De centenas de pessoas que sonhavam o mesmo sonho

O sonho de um festival que muitos acreditavam que fosse mero fogo de palha,

Quando notei isso, vi que o mundo me tirou o direito de desistir de tal projeto,

Vi que meu trabalho era trazer à vida um sonho de todos nós

Lutei, chorei, briguei, convenci, me entreguei... Aceitei a missão de ignorar o impossível

E oque fiz? Larguei um escritório em POA, joguei tudo pro alto e virei produtora cultural.

Fiz minha armadura com o carinho e crédito que cada músico e apoiador em mim depositou

Tantas vezes fui Fênix, renascida pelas mãos dos que acreditaram no Canto Paisano.

Pessoas depositaram sua confiança em meu trabalho, lutando assim ao meu lado,

Amigos e artistas Paisanos me deram a permissão de pelear por tal sonho

E juntos, nós, os grãos de areia, erguemos uma fortaleza regada a suor e esperança

Somos invencíveis em nossa luta, respeitando nossos ideais e princípios.

Nossa Fênix voa no céu da vitória e da realidade,

Agora, os Paisanos têm sua casa, tem o Canto Paisano da Música Gaúcha,

Nossa fé ergueu seu templo, nosso amor gerou seu fruto.

Vencemos a batalha com o impossível, fomos lá e juntos fizemos acontecer.

Hoje somos algo no mundo, andamos de mãos dadas com nossos Paisanos,

Aprendemos com nossos erros e preocupadas criticas em prol de nosso trabalho,

Passamos a ser algo no mundo, uma árvore que faz sombra em meio à aridez,

Nossos frutos são puros e limpos como nosso trabalho e espírito paisano,

Desejamos que na sombra que criamos germinem nossas sementes de luta pela cultura...

Que se iluminem as almas que rabiscam calúnias, inveja e maldade no chão da sombra que criamos no mundo com nossa existência.

Somos Paisanos de peito aberto, damos a outra face, trabalhamos às claras (jamais seremos omissos) e respeitamos o trabalho de nossos artistas que sem se importar com fator financeiro algum de inscreveram em grande número e vieram de todo e Estado.

Respeitamos cada apoiador e patrocinador, sempre tendo sido claros quanto a nosso intento de cobrir despesas faltantes com a porta e, com as sobras, comissionar quem trabalhou para tornar o projeto realidade. Assim como fomos claros sobre tal fato com os músicos participantes. E como reagiram? Deram total apoio a tal método de trabalho, achando-o justo.

Foi assinada uma ata com todo o público presente na palestra do nosso querido amigo Ernesto Fagundes, e entregue tal ata na portaria do evento para que todos os interessados entrassem gratuitamente, assim como foram cedidas diversas outras entradas entradas (não referentes aos amigos e familiares da comissão).

É inversão de valores pensar que um músico tem seu trabalho reconhecido e valorizado via muitas vezes, valores quase simbólicos de ajuda de custo (não menosprezando o comissionamento do músico para pagar suas contas, e sim desprezando pensamentos errôneos de que unicamente a ajuda de custo o valoriza como artista). Dói muito ouvir pessoas citarem desrespeito como esse a tão honrada classe de artistas, visto que a arte é um dom a ser respeitado por ser divino, apreciado por quem o ama e bem comissionado. Jamais prostituído! Sendo assim, nos desculpamos pela falta de recursos (comprovada) de nesse primeiro festival, humildemente, só ter sido conseguido propiciar um de nossos templos à cultura que é o Theatro Guarany e som de primeira qualidade. Sem deixar de citar a conquista de um público extremamente interessado que ficou até o final, tendo respeitado e apreciado a arte dividida com o mundo por parte de cada artista.

Jogar ao vento palavras mentirosas, sem base na realidade não é só desrespeitar a coletividade, mas também mandar ao universo algo que voltará inevitavelmente a si mesmo.

Por isso amigos, vivam, criem, lutem, dêem vida a um mundo melhor... Percam o medo de fazer errado, tenham medo de não tentar! Entreguem sua vida e trabalho a esse mundo faminto de nossa coragem e iniciativa! Façam história e não se preocupem com malícias escritas no chão da sombra que criarem no mundo. Simplesmente criem com honestidade e trabalho sério o bastante para que más críticas não passem de palavras sem valor.

Que Deus os ilumine!


Apoiadores:
Cabanha Tropeiros do Sul: Gêneros alimentício do café da manhã da Fase Fechada do Canto Paisano;
CTG Tropeiros do Sul: Cedência das dependências do CTG para realização da etapa fechada;
Estância São José: Doação de carne para as refeições;
Supermercado Estrela: Doação de gêneros alimentícios em geral;
Casa de Cultura do Capão do Leão (Ana Motta): Troféus da fase fechada;
Atelier do Som: Gravação das músicas vencedoras da fase fechada;
Rincão Nativo: Alimentos aos artistas durante o festival no Teatro Guarany dia 23 de julho;
ONG Gesto: Auxílio nas diretrizes administrativas;
Espcom: Auxílio na organização administrativa;
RDEE e ACORD (Curitiba): Instituições das quais sou diretora executiva, tendo me ofertado todo o amparo para dúvidas administrativas e site;
Pro1: Grandes parceiros e incentivadores;
Rose Atelier da Beleza: Maquiagem e cabelo das integrantes da organização no dia 23 de julho;
Sapataria Tamandaré e AVJ Escola de música: Apoio na divulgação;
Armazém de Pilchas Gaúcho e Prenda: Ponto de venda de ingressos e divulgação na rua.

Patrocínio:

Prefeitura de Pelotas via agenda dos 200 anos de Pelotas: 500 cartazes e 5.000 panfletos (via empenho);
Secretaria de Cultura de Pelotas: Contratação do som (CIA dos Técnicos);
Creative Arte Visual: Banner de fundo de palco;
Transportes Santa Maria: Troféus;
Secretaria de Educação de Pelotas: auxílio na fiscalização das oficinas de música nativista do Canto Paisano a iniciarem em 2012, assim como propiciação da palestra de abertura das oficinas com Ernesto Fagundes (aberta ao público) e consequente show de fechamento do festival;
Rede de Farmácias Associadas: Pagamento da Rádio Alegria, RBS, antecipação do ECAD, aluguel de 80% do Teatro Guarany, confexão de ingressos, banner lateral no Teatro, material geral de trabalho no local, 3 tanques de gasolina (incluidas 2 idas a POA no IGTF e Rede Associadas).

Porta: Pagamento do Show de Abertura, cobertura de 20% do Guarany, pagamento dos jurados,
pagamento de 7 ajudantes no Guarany (não integrantes da comissão).
Dados de valores de Porta: Entrar em contato com ECAD Pelotas diretamente.

Agradecemos a Deus por tão grande conquista de todos nós, assim como comemoramos o êxito de tão lindo projeto sócio-cultural (festival - oficinas de música nativista).


Um dos Últimos momentos do festival captado por Raquel Borba Pires.

O texto acima foi supervisionado e aprovado pelo poder público da cidade de Pelotas/RS.




OBS: A PRESENTE PRESTAÇÃO DE CONTAS NÃO É POSSUIDORA DE CARÁTER OBRIGATÓRIO, ESTANDO SUA FEITURA OU NÃO A CRITÉRIO DA COMISSÃO ORGANIZADORA.
TODA E QUALQUER DUVIDA PODE SER ESCLARECIDA COM A COMISSÃO OU COM QUALQUER UM DOS PATROCINADORES E APOIADORES ACIMA MENCIONADOS.